Revista de Filosofia (2020-04-01)

Nietzsche e o transhumanismo como sintoma do ideal ascético

  • Luciana Zaterka

DOI
https://doi.org/10.7213/1980-5934.32.055.DS05
Journal volume & issue
Vol. 32, no. 55

Abstract

Read online

Ao lado das imagens já conhecidas de Nietzsche como “precursor do nazismo”, “racista”, “pós-moderno”, “pensador perigoso e irracionalista”, em tempos recentes acrescentou-se à imagem de “precursor do transhumanismo”. Ao apresentarmos aqui alguns elementos do transhumanismo, em especial aqueles ligados às mais recentes biotecnologias, bem como alguns conceitos do pensamento de Nietzsche, em especial o além-do-homem e a ontologia da imanência do vir-a-ser, visamos ampliar esse debate, enfatizando que, para Nietzsche, o ideal transhumanista não seria mais do que um sintoma do ideal ascético, tão presente ainda na nossa contemporaneidade.

Keywords