Ciencias Psicológicas (2021-04-01)

Propriedades Psicométricas do Inventário de Percepção de Suporte Familiar (IPSF)

  • Helder Henrique Viana Batista,
  • André Pereira Gonçalves,
  • Ana Celi Pallini,
  • Andreia Maria de Britto Campos,
  • Makilim Nunes Baptista

DOI
https://doi.org/10.22235/cp.v15i1.1976
Journal volume & issue
Vol. 15, no. 1

Abstract

Read online

O estudo buscou evidências de validade baseadas na estrutura interna (CFA) e na relação com variáveis externas para o Inventário de Percepção de Suporte Familiar (IPSF) e analisou o impacto da aquiescência. Participaram 234 pessoas, com idades entre 18 e 68 anos (M= 31,66; DP=11,75). Foram utilizados o IPSF e Escala Baptista de Depressão-Versão Triagem (EBADEP-Triagem), a Escala de Percepção do Suporte Social-Adulto (EPSUS-A) e a Escala de Autorregulação Emocional-Adulto (EARE-AD). Foram acrescentados itens inversos ao IPSF para aquiescência. Os resultados indicaram que a estrutura bifator foi que melhor se ajustou aos dados. Além disso, a aquiescência impactou tanto nos índices de ajuste quanto nas cargas fatoriais do fator geral. As correlações do IPSF foram positivas com EPSUS-A e EARE-AD e negativas com a EBADEP-Triagem. Estes resultados indicam evidências de validade para o IPSF e indica que o controle da aquiescência pode impactar escores obtidos com a aplicação da escala.

Keywords