COMPETÊNCIAS RELEVANTES AO PAPEL OCUPACIONAL DE GERÊNCIA EM NÍVEL OPERACIONAL EM UM ÓRGÃO DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA FEDERAL DO BRASIL

GESTÃO.Org : Revista Eletrônica de Gestão Organizacional. 2013;11(2):428-462

 

Journal Homepage

Journal Title: GESTÃO.Org : Revista Eletrônica de Gestão Organizacional

ISSN: 1679-1827 (Online)

Publisher: Universidade Federal de Pernambuco

Society/Institution: Universidade Federal de Pernambuco

LCC Subject Category: Social Sciences: Commerce: Business

Country of publisher: Brazil

Language of fulltext: Portuguese, Spanish; Castilian, English

Full-text formats available: PDF

 

AUTHORS

Valdir Valdivino Cotrim Filho (Ministério do Trabalho e Emprego (CGRH/SPOA/MTE). Brasília-DF, Brasil)
Josivania Silva Farias (Universidade de Brasília)

EDITORIAL INFORMATION

Double blind peer review

Editorial Board

Instructions for authors

Time From Submission to Publication: 48 weeks

 

Abstract | Full Text

O objetivo da pesquisa foi analisar o nível de alinhamento entre importância e domínio de competências gerenciais, segundo a ótica de gerentes do nível operacional em um órgão da Administração Pública Federal do Brasil. Com base Borges-Andrade e Lima (1983), buscaram-se examinar quais competências os gerentes desse órgão consideram como mais importantes ao seu desempenho e qual o nível de domínio que julgam possuir sobre tais competências. Trata-se de um estudo de caso de natureza descritiva, com abordagem quantitativa e a coleta de dados foi feita por meio de questionário on line. O instrumento de pesquisa foi construído a partir da adaptação do modelo de competências gerenciais do Tribunal de Contas da União – TCU e conteve 20 descritores de competências. De 296 questionários distribuídos, retornaram 183 (61%). Os resultados obtidos a partir do cálculo de gaps de competências mostraram que os gerentes possuem domínio mediano em relação às competências requeridas para o desempenho de seu papel ocupacional. Deste modo, as competências dos gerentes estão parcialmente alinhadas com aquelas necessárias ao desempenho da atividade gerencial. Diante disto, recomenda-se à organização que envide esforços no sentido de promover ações de capacitação para suprir as lacunas de competências do corpo gerencial.