A imprensa feminina no Rio de Janeiro nas décadas finais do século XIX

Revista Estudos Feministas. 2016;24(1):261-279

 

Journal Homepage

Journal Title: Revista Estudos Feministas

ISSN: 0104-026X (Print); 1806-9584 (Online)

Publisher: Universidade Federal de Santa Catarina

LCC Subject Category: Social Sciences: The family. Marriage. Woman: Women. Feminism

Country of publisher: Brazil

Language of fulltext: Spanish, Portuguese

Full-text formats available: PDF, HTML, XML

 

AUTHORS

Karoline Carula (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)

EDITORIAL INFORMATION

Peer review

Editorial Board

Instructions for authors

Time From Submission to Publication: 16 weeks

 

Abstract | Full Text

O objetivo deste artigo é apresentar e analisar três jornais escritos por mulheres e que circularam na cidade do Rio de Janeiro no final do Oitocentos: O Sexo Feminino (1873-1889) – o qual, após a República passou a se chamar O Quinze de Novembro do Sexo Feminino (1889- 1890) –, Echo das Damas (1879-1888) e A Familia (1888-1894). Com relação ao O Sexo Feminino, seu tema central foi a educação feminina como necessária para o aperfeiçoamento da sociedade. O Echo das Damas teve na defesa da educação feminina seu principal tema. Já em A Familia, as temáticas mais frequentes foram a educação, o trabalho e o voto femininos. Posto isso, incialmente serão apresentadas as três publicações: materialidade, periodicidade, seções, colaboradoras, principais temas abordados, etc. Em seguida, focarei nas principais propostas apresentadas por esses periódicos