O liberalismo e a privatização da educação: a impossibilidade da democracia

Revista Histedbr On-line. 2013;12(48):153-167 DOI 10.20396/rho.v12i48.8640014

 

Journal Homepage

Journal Title: Revista Histedbr On-line

ISSN: 1676-2584 (Online)

Publisher: Universidade Estadual de Campinas

Society/Institution: Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Educação

LCC Subject Category: Education: History of education | History (General) and history of Europe: History (General)

Country of publisher: Brazil

Language of fulltext: Portuguese

Full-text formats available: PDF

 

AUTHORS


Marco Antônio de Oliveira Gomes (Universidade Federal de Rondônia)

Antônio Carlos Maciel (Universidade Federal de Rondônia)

EDITORIAL INFORMATION

Double blind peer review

Editorial Board

Instructions for authors

Time From Submission to Publication: 12 weeks

 

Abstract | Full Text

Este trabalho apresenta instrumentos analíticos para compreender o capitalismo atual através de um tema unificador entre as várias oposições fragmentadas - a aspiração a democracia. Esse conceito é um desafio jamais levados às últimas consequências sob o signo do capital aqui o examinaremos historicamente. A democracia burguesa, que surgiu das lutas pela afirmação da burguesia contra a nobreza, não possibilitou a realização de uma democracia substancial. Nem mesmo o reconhecimento da classe trabalhadora ao longo da história foi suficiente para eliminar as desigualdades. Pelo contrário, a desigualdade é concebida pelos liberais como saudável para o desenvolvimento social.  Nosso objetivo é situar o conceito em contextos históricos em vez de pensá-lo como uma abstração socialmente determinada e  não “varrer para baixo de um tapete imaginário” os problemas crônicos e os sintomas da crise estrutural que se expressam na educação.