In Autumn 2020, DOAJ will be relaunching with a new website with updated functionality, improved search, and a simplified application form. More information is available on our blog. Our API is also changing.

Hide this message

Intimidade e saúde

Psicologia USP. 2012;23(4):737-755 DOI 10.1590/S0103-65642012000400007

 

Journal Homepage

Journal Title: Psicologia USP

ISSN: 0103-6564 (Print); 1678-5177 (Online)

Publisher: Universidade de São Paulo

Society/Institution: Universidade de São Paulo, Instituto de Psicologia

LCC Subject Category: Philosophy. Psychology. Religion: Psychology

Country of publisher: Brazil

Language of fulltext: Spanish, French, Portuguese, English

Full-text formats available: PDF, HTML, XML

 

AUTHORS


Lígia Maria Moreira Ferreira de Almeida (Universidade do Porto)

José Manuel Peixoto Caldas (Iberoamerican Observatory of Health and Citizenship)

EDITORIAL INFORMATION

Double blind peer review

Editorial Board

Instructions for authors

Time From Submission to Publication: 32 weeks

 

Abstract | Full Text

A intimidade é antecedida de processos ativos, transversais ao ciclo de vida. O vínculo afetivo estabelece-se primariamente na relação de vinculação mãe-bebê, e os padrões comportamentais e estilos de vinculação tendem a repercutir-se nas relações adultas. O objetivo exploratório desta investigação pretende apurar a transcrição física (consequências na saúde) de vivências insatisfatórias de intimidade. Sessenta universitários (30 do sexo feminino; 30 do sexo masculino), com idades entre 22 e 27 anos, envolvidos numa relação amorosa fixa (duração mínima: 6 meses) foram contactados para responder a uma bateria de instrumentos (variáveis de interesse: intimidade, identidade, autoconceito e vinculação). Um bom estado de saúde parece associar-se a valores elevados de interdependência e baixos valores de dependência na relação amorosa. Nestes jovens a intimidade baseada na dependência compromete 14% da saúde mental. O impacto de uma intimidade pouco saudável limita em quase 9% a saúde física de jovens adultos saudáveis.