A CARREIRA DA MULHER: uma análise da produção científica brasileira

Revista Foco. 2017;10(3):215-233 DOI 10.28950/1981-223x_revistafocoadm/2017.v10i3.518

 

Journal Homepage

Journal Title: Revista Foco

ISSN: 1981-223X (Online)

Publisher: Faculdade Novo Milênio

Society/Institution: Faculdade Novo Milênio

LCC Subject Category: Social Sciences: Commerce: Business

Country of publisher: Brazil

Language of fulltext: Portuguese

Full-text formats available: PDF, HTML

 

AUTHORS


Luana Sodré da Silva Santos (Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro)

EDITORIAL INFORMATION

Double blind peer review

Editorial Board

Instructions for authors

Time From Submission to Publication: 36 weeks

 

Abstract | Full Text

Este artigo teve como objetivo identificar e analisar artigos em que o tema carreira fosse o objeto principal do estudo, publicados em periódicos associados à Scientific Periodicals Electronic Library (SPELL) e na SCIELO (Scientific Eletronic Library Online), no campo da administração. Por meio da análise de conteúdo, na articulação da revisão teórica com a empírica, emergiu a categoria de análise carreira da mulher. Após a identificação e classificação desses artigos, publicados entre os anos 2010 e 2017, os mesmos foram organizados em planilhas, e os dados, tabulados de forma a permitir visualizar: 1) número de publicações por periódico e por ano; 2) temáticas abordadas; 3) os periódicos que mais utilizavam esta perspectiva teórica; 4) as principais metodologias utilizadas. Entre os resultados encontrados foi possível observar que, nos últimos 7 anos, a produção acadêmica sobre carreira da mulher não teve um número expressivode publicações, sendo a maioria delas baseada em profissionais mais tradicionais, como executivas e gestoras, havendo poucos estudos voltados para outras categorias profissionais, como profissionais da área de saúde, professores, profissionais autônomos etc, o que indica um campo de pesquisa a ser explorado pelos pesquisadores brasileiros. Aponta-se a necessidade de se desconstruir a noção de carreira como uma gestão individual e masculinizada, assim como o diálogo com várias áreas do saber, ampliando a dimensão da carreira para a mulher.   This article aims to identify and analyze articles in which the subject career was the main object of the study, published in journals associated with the Scientific Periodicals Electronic Library (SPELL) and SCIELO (Scientific Eletronic Library Online), in the administration area. Through content analysis, in the articulation of theoretical revision with empirical, emerged the category of career analysis of women. After the identification and classification of these articles, published between the years 2010 and 2017, they were organized in spreadsheets, and the data, tabulated in order to visualize: 1) number of publications per periodic and per year; 2) themes approched; 3) the journals that most used this theoretical perspective; 4) the main methodologies used. Among the results found, it was possible to observe that, in the last 7 years, the academic production on women's career did not have an expressive number of publications, most of them based on more traditional professionals, such as executives and managers, with few studies focused on other Professional categories such as health professionals, teachers, autonomous professionals, etc, indicating a area of research to be explored by brazilian researchers. It is pointed out the need to deconstruct the notion of career as an individual and masculinized management, as well as the dialogue with several areas of knowledge, expanding the dimension of women’s career.